Quarta-Feira, 26 Abril 2017

CAP.PT: Início

União Europeia e Brasil debatem Mercosul

A União Europeia (EU) e o Brasil reúnem-se ao mais alto nível por ocasião da 5.ª Cimeira UE-Brasil, em Bruxelas no dia 4 de Outubro. A agenda da Cimeira inclui questões globais, regionais e bilaterais. Neste encontro, os líderes debatem, entre outras questões, o Mercosul e as negociações em curso para um Acordo de Associação UE-Mercosul, o investimento e o comércio, as alterações climáticas e a Conferência das Nações Unidas sobre o desenvolvimento sustentável Rio + 20, a situação económica e financeira internacional e o processo G20, a cooperação no contexto multilateral e os direitos humanos.

Tem igualmente lugar uma troca de pontos de vista sobre a situação política em algumas regiões do mundo, como o Norte de África e o Médio Oriente. O Presidente do Conselho Europeu, Hermann Van Rompuy, declarou: «O Brasil é um importante parceiro da União Europeia e esta Cimeira constituirá um passo em frente nas nossas relações. A nossa parceria vai muito para além da agenda bilateral. Trata-se de trabalhar em conjunto para assumir a liderança e a responsabilidade tanto no que diz respeito às questões regionais e globais como nos fóruns multilaterais. Espero lançar as bases de uma plataforma comum com a nova Presidente do Brasil para fazer face aos desafios comuns, como as alterações climáticas e a governação económica.»

O Presidente da Comissão Europeia, José Manuel Durão Barroso, declarou: «Após termos consolidado as nossas relações ao mais alto nível com o Brasil nos últimos cinco anos, precisamos agora de passar de uma parceria estratégica para uma acção global estratégica. É minha intenção debater com a Presidente Dilma Rousseff a forma de aprofundar a nossa cooperação bilateral em domínios tão diferentes como a educação, a cultura, a indústria ou os transportes. No entanto, o Brasil é mais do que um parceiro estratégico – é um país com a mesma forma de pensar, com quem queremos trabalhar em questões de interesse mundial, como o desenvolvimento sustentável, as alterações climáticas e a nossa agenda do G20.»

No encontro, para além de Herman Van Rompuy e de José Manuel Durão Barroso, participam a Alta Representante/Vice-Presidente da Comissão, Catherine Ashton, e o Comissário responsável pelo Comércio, Karel De Gucht. O Brasil é representado pela Presidente, Dilma Rousseff, sendo acompanhada pelo Ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, e pelos Ministros das Finanças, da Cultura, do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, das Comunicações, da Ciência, Tecnologia e Inovação, e da Comunicação Social.

Recorde-se que a questão do Mercosul e das trocas comerciais entre a União Europeia e os países da América do Sul é particularmente sensível para os agricultores europeus, tendo em conta a concorrência de produtos agro-alimentares oriundos daqueles países, particularmente carne de bovino, os quais não atendem às regras de qualidade, segurança alimentar e bem-estar animal, impostas pela UE aos seus próprios produtores.